Governo libera cerca de R$ 460 milhões para bolsas de estudo
Fapemig ficará responsável por elaborar e renovar os convênios com 86 instituições de ensino
Publicado: 25/03/2015 14:46 | Atualizado: 15/06/2015 14:36

Em solenidade na manhã do último dia 17 com o governador Fernando Pimentel e o presidente da Fapemig, Evaldo Vilela, o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Miguel Corrêa, assinou o termo que autoriza a liberação de cerca de R$ 460 milhões para a implantação de bolsas previstas nos programas mantidos pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig). O ato garante a renovação de convênios com 86 instituições de ensino superior e de pesquisa públicas e privadas nos próximos cinco anos.

A parceria assegura o compromisso da Fapemig com as instituições vinculadas aos programas “Bolsas de Iniciação Científica e Tecnológica”, “Apoio à Pós-Graduação” e “Bolsas de Iniciação Científica Júnior” e “Captação de Recursos Humanos”, garantindo a manutenção do Sistema Mineiro de Ciência e Tecnologia (C&T).

Para o secretário Miguel Corrêa, a iniciativa fortalece a luta do Governo de Minas nas áreas da ciência e do conhecimento. “Investir na capacitação das pessoas, em especial dos jovens, é fundamental para que tenhamos no futuro avanços significativos em diversas áreas, inclusive na ciência e tecnologia”, informou.

Durante solenidade, o governador Fernando Pimentel garantiu a satisfação em render homenagem à parceria firmada com as instituições de ensino. “Este encontro firma dois compromissos de grande importância do nosso governo: inovação e futuro. Investir em educação e projetos educacionais é um dos maiores bens que podemos garantir ao futuro”.