Segunda fase do Edital SENAI SESI de Inovação
Com 500 projetos contemplados, foram selecionadas 32 propostas, sendo quatro de MG
Publicado: 15/12/2015 09:57 | Atualizado: 15/12/2015 09:59

A segunda fase do Edital SENAI SESI de Inovação contemplou 32 projetos de empresas de todo o país, sendo quatro de Minas Gerais. Os vencedores foram anunciados na última quarta-feira (9), em Brasília (DF). Com isso, o Edital bate a marca de 500 projetos contemplados desde que foi criado, em 2004. Nesta fase, as empresas terão R$ 10 milhões para o desenvolvimento dos projetos. O Edital é uma iniciativa do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) e do Serviço Social da Indústria (SESI) e funciona por meio de ciclos contínuos de inscrição e avaliação.

Nesta edição há R$ 40 milhões disponíveis para o desenvolvimento de novos produtos, processos e serviços que visem ao aumento da produtividade e competitividade das empresas brasileiras. O valor é 31,14% superior ao do ano passado. As inscrições para a edição 2015 do Edital já estão encerrados. Porém, projetos podem continuar sendo inscritos e serão automaticamente remetidos a avaliações na edição do ano que vem. Basta acessar a página do Edital na internet: www.editaldeinovacao.com.br.

Confira os projetos mineiros escolhidos no segundo ciclo:

- Queimador de gases para produção de carvão vegetal STA Industrial Ltda
- Fornos modulares para produção de carvão vegetal STA Industrial Ltda
- MCare - Cuidando onde você estiver NOVELTY Tecnologia e Inovação Ltda
- Equipamento hidráulico com conjunto de suportes ergonômicos para elevação e sustentação de peças MRs - Logística S/A

SOBRE O EDITAL

Empresas de qualquer porte podem inscrever projetos em três categorias:

Categoria A: inovação tecnológica

Projetos realizados em parceria com o SENAI, orçados em até R$ 400 mil. Os projetos desta modalidade poderão ser desenvolvidos de forma bilateral, em parceria com o Innovate UK.
Prazo: 20 meses para ser executado a partir da contratação.

Categoria B: startups inovadoras

Projetos de startups de base tecnológica, realizados em parceria com o SENAI, orçados em até R$ 150 mil.

Prazo: 10 meses para ser executado a partir da contratação.

Categoria C: soluções de saúde e segurança no trabalho (SST) e qualidade de vida

Projetos realizados em parceria com o SESI, orçados em até R$ 400 mil.
Prazo: 20 meses para ser executado a partir da contratação.

 

Divulgação: Sistema FIEMG