Estratégia de Governo para o desenvolvimento econômico é apresentada em Uberlândia
Ações são voltadas para a recuperação do protagonismo econômico e tecnológico de Minas Gerais
Publicado: 09/05/2019 14:40 | Atualizado: 16/05/2019 13:04
Secretário Vitor de Mendonça. Foto: ACS/Sedectes Secretário Vitor de Mendonça. Foto: ACS/Sedectes

O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes), Vítor de Mendonça, cumpriu, nessa quarta-feira (8/5), em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, uma extensa agenda pautada no desenvolvimento econômico, tecnologia e inovação. Pela manhã, participou de uma reunião com o Conselho de Desenvolvimento Econômico (Coden) da cidade. O grupo, formado por 17 representações, tem como objetivo pensar e desenvolver projetos que possam impactar a cidade em médio e longo prazo.

A palestra apresentada pelo secretário Vítor abordou o atual cenário econômico do Estado e o planejamento para alavancar a busca de protagonismo para Minas Gerais voltar a crescer. “Queremos desenvolver todas as regiões mineiras, nosso papel é atuar na busca por investimentos por meio das vocações regionais”, destaco.

A proposta da Secretaria de Desenvolvimento Econômico é reafirmar o orgulho dos mineiros, trabalhando em um governo eficiente e inovador. Os conselheiros da Coden puderam ver de perto toda a reestruturação que está sendo feita na Sedectes. A missão apresentada é promover um ambiente atrativo, fortalecendo as cadeias produtivas e possibilitando a diversificação da economia. “Os programas estratégicos de governo passam também pela desestatização, integração de políticas de desenvolvimento e ações voltadas para a ciência, tecnologia e inovação”, disse o secretário.

Foi realizado um painel para debater as ações para o desenvolvimento do Triângulo Mineiro. A conversa contou com a participação do vice-prefeito de Uberlândia, Paulo Sérgio Ferreira, do Roberto Botelho, médico e empresário de tecnologia e saúde, e Paulo Iran, executivo do Grupo Martins. O Coden, por meio do presidente executivo do grupo Algar, Luiz Alexandre Garcia, oficializou um documento com as principais reivindicações do setor produtivo local e regional.

 

Uberlândia fomenta ecossistema de inovação

A tecnologia e o empreendedorismo estão criando forças no Triângulo Mineiro. O ecossistema já conta com mais de 130 startups, segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).  O movimento está se expandindo e ganhando forças dentro de grandes empresas e universidades.

A agenda do Secretário Vitor proporcionou, nessa quarta (8/5), uma aproximação entre o Governo de Minas Gerais e os atores deste ecossistema. Ele pôde conhecer o Distrito da Inovação, espaço que conecta startups, incubadoras, aceleradoras e universidade. “Precisamos potencializar as atividades econômicas por meio da inovação. Estou entusiasmado em ver como as atividades por aqui são bem organizadas”, destacou Mendonça. Para finalizar a agenda, a equipe do Brain - Instituto de Ciência e Tecnologia, do Grupo Algar, apresentou o espaço que conecta ideia e pessoas, oferecendo desenvolvimento de soluções digitais e inovação disruptiva. “Soluções criativas são importantes para servir e simplificar o dia a dia das empresas e das pessoas”, completou o secretário.