Foto: Marcelo Tholedo

Buscando fortalecer o artesanato e desenvolver o potencial dos artesãos, o Governo de Minas Gerais inaugurou, nessa segunda-feira (21/5), a primeira Sala Mineira do Artesão, em Ouro Preto. Na oportunidade, também foram entregues mais de 150 exemplares da Carteira Nacional do Artesão.

A Sala é coordenada pela ação do +Artesanato, programa da Secretaria de Estado Extraordinária de Desenvolvimento Integrado e Fóruns Regionais (Seedif), em parceria com o Servas, Sebrae e Emater.

Na cerimônia estiveram reunidos centenas de artesãos, além de representantes do Sebrae, prefeitura e câmara municipal de Ouro Preto e do Governo de Minas Gerais. Pedro Leão, subsecretário da Seedif e coordenador do +Artesanato, comemorou a ação.

“Em um ano fizemos cerca de cinco mil carteiras. Com essa iniciativa, inédita no Brasil, vamos multiplicar os números por três”, analisa. “A ação, é, também, uma forma de pagar uma dívida histórica com a categoria. Antes era vista como atividade de final de semana. Neste Governo, o artesanato é tratado como fonte de renda, de emprego e desenvolvimento”, finaliza.

A presidente do Servas e primeira dama do Estado, Carolina Pimentel, representou o Governador Fernando Pimentel na atividade e reafirmou o compromisso do Governo com a categoria.

“Através do diálogo com artesãos e associações estamos realizando ações que estão mudando o artesanato no Estado. Divulgamos um edital de R$ 1,8 milhão para o segmento e vamos apresentar outro em breve. Também lançamos a primeira política pública do artesanato e agora estamos entregando a Sala Mineira do Artesão”, afirmou.

Sala Mineira do Artesão

Até o julho deste ano, o Governo de Minas Gerais vai inaugurar mais duas Salas do Artesão. Ela serão instaladas em Araçuaí e São João del-Rei, localizados no Jequitinhonha e Campo das Vertentes, respectivamente, outros dois Territórios Criativos do Estado.

Durante todo o ano os trabalhadores vão usufruir de serviços oferecidos pela Sala Mineira do Artesão, bem como, cadastro para a confecção da Carteira Nacional do Artesão, capacitação e instruções para participação de feiras, eventos e editais. Entre outras atividades, os artesãos vão contar com apoio especializado de pessoas treinadas pelo +Artesanato.